Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2016

Eu sei...

Eu sei que os dias às vezes tornam-se apertados e que a nossa alma só se encontra debaixo dos lençóis quando o dia termina.  Eu sei que às vezes ando a mil e passo por ti a mais de cem à hora.  Eu sei que dou sempre o litro e à noite já não tenho combustível.  Eu sei que esperas por mim, deixas que eu escolha o filme e sei que, assim que o filme começa, eu adormeço, morta de cansaço. Eu sei que tenho duas mãos e que às vezes eu quero ter oito, mas não posso.  E sei que tento chegar a todo o lado sem desapontar ninguém e que no final foi a mim cá dentro a quem eu não cheguei. E sei que às vezes, muito injustamente, também não te cheguei a ti.  Eu sei que às vezes estou, mas não estou. E às vezes não estou, mas estou sempre.  Eu sei, também, que és tu que me mantens de pé.  És tu que me dizes que eu nunca desisto. E eu nunca desisto porque tu nunca desistes de mim. 
Por isso, meu amor, fica comigo. Fica comigo mesmo quando os nossos dias têm só cinco minutos curtos e à luz da lua.  Porq…

Hoje, eu li...

«Desenhe. Escreva. Fotografe.
Dê vazão ao que você sente.»



E é por isto que eu ainda sinto este bocadinho como o meu lugar.
(apesar dos largos mais de 6 meses em que não aparecia por aqui)