Separadores

ATENÇÃO

Este blog é pessoal demais. Este blog dá de si e do seu espaço, da sua liberdade, do seu pensamento e, sobretudo, do seu coração.
Acima de tudo: "Eu escrevo como falo, como sonho, como penso."
Por isso SEGUE O QUE SENTES.

30/10/2013

Gostar de imensas coisas é bom e mau. Por um lado torna a pessoa mais versátil, por outro, só a torna mais indecisa. Ou melhor ainda, torna-a mais indefinida.

(hoje estou inspirada. mas só para frases pequeninas.)

De Repente

''Me apaixonei do mesmo jeito que alguém cai no sono: gradativamente e de repente, de uma hora para outra.''

24/10/2013

Só ele viu meu corpo de verdade, minha alma de verdade, meu prazer de verdade, meu choro baixinho em baixo da coberta com medo de não ser bonita e inteligente. Só para ele eu me desmontei inteira porque confiei que ele me amaria mesmo eu sendo desfigurada, intensa e verdadeira.
Tati Bernardi
— 

23/10/2013

Perfection exists

Há imagens que realmente nos ultrapassa, nos atingem e nos inspira!


Esta é uma delas...


[Não sei quem foi o fotógrafo mas esta menina com traços de Kate Moss chama-se Fanny Lyckman. A perfeição realmente existe mesmo.]

22/10/2013

Dandi

Ás vezes sinto tudo demais. O Universo parece-me pesar uma tonelada dentro o meu peito. Sinto apenas que sinto tudo com muita força, com tanta e tanta força, todas as palavras, todos os actos, todas as expressões nas caras de outras pessoas que nem conheço que passam por mim na rua. Tento-lhes adivinhar os pensamentos, os sorrisos, os sonhos. Tenho adivinhar-lhes a vida e sinto-a em mim, como se fosse em mim que esses corpos se manifestassem.
Chamam a isto "Dandi". Ele diz que é o que eu sou. "Alguém que sente como se fosse tudo a primeira vez, quase..." - explica-me ele, com toda a sua sabedoria e paciência para as minhas crises existenciais.
Ele aparece para me solucionar o meus dilemas, para me indicar um caminho que me leva a perder-me nele, com ele. Ele vem dar-me respostas que eu nunca encontrei.
Com ele e com o mundo é como se tudo fosse tão profundo e tudo tão diferente entre si. Eu sinto-o mesmo profundo. E é por isso que eu acho que ele nunca vai entender o que eu sinto, como eu o sinto.

Tenho um problema com ele de me repetir, vezes e vezes sem conta, quando olho muito tempo para ele: digo-lhe que é lindo! E realmente ele é! Mas é por sentir tanto o que eu vejo e por o sentir tanto que quando o olho é como se estivesse a vê-lo pela primeira vez. E a frase "És lindo...", num tom meio suspirado, sai-me de relance pela boca fora! 
E acontece toda a vez que o olho sobre aquele olhar verde profundo...



Sou muitas coisas

Tenho mau feitio, nem sempre sou a mais simpática, sou impaciente, criancinha, ás vezes estou tão contente que me torno insuportável e ás vezes sou só mesmo insuportável porque sim. Faço o que quero e o que gosto. Sou trapalhona, com a mania que sou esperta e acho que tenho sempre razão. Eu sou muitas coisas...

...Mas sou essencialmente toda coração.

19/10/2013

Há Sempre Uma Primeira Vez

Já há muito, quase desde a existência deste blog, que venho com alguma regularidade citar algumas frases da minha escritora preferida de todos os tempos, Margarida Rebelo Pinto. Soube que ia lançar um novo livro, o Há Sempre Uma Primeira Vez, e que, por conseguinte, iam lançar um GiveAway de convites duplos do lançamento do livro dia 16 de Outubro, Quarta-Feira, pelas 18h30, na Bertrand do Chiado,
juntamente com uma agenda personalizada a quem escrevesse um texto que falasse da primeira vez que conheceu a/o melhor amiga/o.
Leitora atenta e fã incondicional que sou, depressa inscrevi-me no passatempo, enviei via e-mail o texto, juntamente com a imagem ilustrativa do texto.
A resposta foi dada pelo Página de Facebook da Margarida rebelo Pinto, gerida por ela, na própria Quarta-Feira, ás 11 horas! Visto que estudo das 8 horas às 15, não tive tempo, nem tenho maneira de aceder aos Facebook em tempo corrente de aulas, não soube que tinha ganho a porra do passatempo!!

Não sei se por lapso do Clube do Autor ou de por Lapso da Margarida Rebelo Pinto, o que eu sei é que não vi convite duplo nenhum, não vi lançamento nenhum, não vi o bloco, não vi nada porque nem soube de nada!

Há sempre uma primeira vez, esta certamente foi uma primeira vez de uma oportunidade única mais que deitada por água abaixo por um lapso na falha de comunicação!
Se o azar, isto é coisa dele!

Odeio-te, Facebook.

18/10/2013

Consciência Tranquila

As pessoas podem ter defeitos e manias, mas no final de contas, o mais importante de tudo é ir dormir com a consciência tranquila de que se foi a melhor pessoa que se conseguiu ser.


15/10/2013

#FicaADica

«Quando não tem já mais nada para escrever e continua a escrever é um crime, porque não tem o direito de escrever se não tem nada para dizer! (...)»

Hoje, fica a dica, saída daqui.



xoxo, C*

08/10/2013

FINALMENTE

Soube que o tinha esquecido quando me apercebi que, finalmente, já tinha parado de sonhar com ele. Se o sonho é o inconsciente do cérebro, das palavras oprimidas e dos desejos escondidos, ele já não faz parte desse mundo! AMÉN! E como ele já não fazia parte de qualquer outro mundo meu, deixou, finalmente de fazer parte de mim.
E finalmente passou, finalmente já posso ser feliz sem estar aprisionada ao que poderia ser se tudo tivesse sido diferente... Se... Se... Se... Se fosse mais homem e mais capaz, se soubesse uma vez na vida o que queria comigo... Mas como os homens nunca são capazes de decidir nada em relação ás mulheres eu decidi! Desta vez eu sei o que é que quero. E o que eu quero é que ele não volte para a minha vida. Não da maneira como entrou. Não. Nunca mais. E agradeço se ele puder deixar-me ser feliz como eu quero. Sem ele.

As mulheres nunca sabem o que hão-de vestir. Já os homens nunca sabem decidir-se!

Beijos, fui ser feliz. FINALMENTE!


[Escrito à uns tempinhos atrás. Agora faz todo e completo sentido ser partilhado.]

07/10/2013

Elogio da Loucura

«À medida que um homem que afasta da Loucura, vai deixando de viver. (...) Uma mulher será sempre uma mulher, isto é, sempre louca ainda que ponha uma máscara. As mulheres não me poderão levar a mal que lhes atribua a loucura, a mim, que também sou, além de mulher, a própria Loucura. Vendo bem as coisas, é o dom da loucura que lhes permite serem, em muitos aspectos, mais felizes do que os homens. Têm sobre eles, em primeiro lugar, a vantagem da beleza, que põem, com razão, acima de tudo e que lhes serve para tiranizar os próprios tiranos. O homem tem as formas rudes, a pele rugosa, a barba selvagem, que o envelhece, e que, ao mesmo tempo, é sinal de sabedoria; as mulheres, com a face macia, a voz doce, a pele lisa, têm a seu favor os atributos da juventude eterna. Por isso, que procurarão elas na vida, senão agradar aos homens o mais possível? Não será essa a razão para tantos vestidos, pinturas, banhos, penteados, pomadas e perfumes, de toda a arte de pintar ou disfarçar o rosto, os olhos e a pele? E não será a Loucura que melhor lhes entrega os homens? Eles prometem-lhes tudo, e em troca de quê? De prazer. Mas elas só o conseguem graças à Loucura. Isto é evidente, se pensarmos em todas as parvoíces que um homem diz, nas loucuras que pratica, quando procura beneficiar das graças duma mulher.»


PS: "Os humanos são metamorfoses ambulantes."

[excerto e frase de Erasmo de Roterdão, in Elogio da Loucura]

01/10/2013

Missing someone...



Por que não?!

Entrei em Arquitectura, com especialização em Arquitectura de Interiores. É um mestrado integrado, 5 anos naquele labirinto que para mim ainda é muito muito confuso. Tenho uma turma com 40 e tal pessoas, todas diferentes e ninguém parecido, nem um pouco comigo. Muito trabalho, com apenas 2 dias de escola já tenho 2 maquetas para fazer, pensar como vou realizar o meu primeiro projecto: um auditório; e ainda uns 20 desenhos para entregar até Sexta... Matérias de Geometria Descritiva e Conceptual e de Complementos de Matemática e Estatística com um atraso de 2 semanas... Muita coisa pra fazer e quase nada feito! Um sufoco! Um stress! Vou endoidecer!!
Não era nada disto que eu queria! Mas como eu nunca sei o que é que quero...
Por que não?!