Separadores

ATENÇÃO

Este blog é pessoal demais. Este blog dá de si e do seu espaço, da sua liberdade, do seu pensamento e, sobretudo, do seu coração.
Acima de tudo: "Eu escrevo como falo, como sonho, como penso."
Por isso SEGUE O QUE SENTES.

26/09/2009

Livre

(fotografia: Catarina Gaspar)

Quero voar, ser livre, cantar bem alto sem medos, dançar como se ninguém estivesse a ver, rir até doer a barriga e abraçar até mais não. Correr e rodopiar até ver tudo à roda, como fazia em criança. Quero ver o mar e sentir o cheiro a sal. Quero saber o que é que tu pensas e quero fazer-te sorrir, fazer-te feliz. Quero tremer de nervosismo e quero chorar de alegria. Quero saltar até à exaustão e quero beijar as bochechas delas. Quero dizer-lhes que são muito mais do que pensam e que fazem o que sou hoje. Quero viajar para outro lugar, quero tocar guitarra até ficar sem pele nos dedos (talvez um dia mostre-vos alguma coisa tocada por mim, quem sabe). Quero liberdade, quero dizer o que penso e dizer o que gosto, sem julgamentos, sem medos. Quero tudo e não quero nada.
Quero ser eu.

2 comentários:

  1. Podes fazer isto e muito mais. Lembra-te que querer é poder. :) E força de vontade é também um grande passo para tudo...
    LY @ :D
    P.S: Tenho de estar contigo um dia destes prima. Aquela manhã junto ao rio valeu milhões. :']

    ResponderEliminar

Olá! Diz-me tudo o que quiseres :)