Separadores

ATENÇÃO

Este blog é pessoal demais. Este blog dá de si e do seu espaço, da sua liberdade, do seu pensamento e, sobretudo, do seu coração.
Acima de tudo: "Eu escrevo como falo, como sonho, como penso."
Por isso SEGUE O QUE SENTES.

09/11/2010

Dia 8 & Dia 9

Dia 8 - A situação mais embaraçosa por que passaste & Dia 9 - Algo que te irrita.

A situação mais embaraçosa por que já passei foi estar no meu querido Calçadão a passear com o Diogo, em que na altura não andávamos, éramos apenas dois bons amigos a conversar. Entretanto chegou um velhinho com os seus 70 anos com uma rosa na mão e diz para o Diogo qualquer coisa do género "Eu vi que vocês já estavam aqui á um bocado e eu também já tive a vossa idade, sei o que é que é bom. Então apanhei agora ali atrás uma rosinha e toma lá pra dares à tua menina" - e eu ali mesmo ao lado, mais vermelha que o sangue que me corria nas veias, mas que na altura parecia não correr mesmo, parecia parado, apenas sentia as minhas maçãs do roxo quase a saírem-me da cara e ficarem cada vez mais vermelhas e mais escaldadas. E o senhor deu a rosa ao Diogo e ficou ali mesmo à nossa frente, à espera que o Diogo me desse a rosa e ele fez a vontade ao senhor, claro ahah.
Depois o senhor disse que ia a sua vidinha e nós os dois, perdidos de rir com a situação e eu com uma rosa linda, pequena e delicada na mão.
(a rosa é esta, guardei-a e sequei-a dentro de um livro - fotografia por mim)

Algo que me irrita são pessoas ocas, vazias na cabeça, com quem não possa conversar, pessoas limitadas. O que me irrita mesmo são as pessoas, as pessoas e a falta de tempo. É que eu tenho a mania que sou a super-mulher e que consigo fazer tudo muito depressa e tudo muito bem e tudo ao mesmo tempo e na verdade não, sai tudo ao contrário! Isso também me irrita, não conseguir fazer duas coisas ao mesmo tempo, sou limitada nesse aspecto, lamento.
Outra coisa que me irrita mesmo é que me mintam, epah mentiras não dá, detesto, quando se mente quebra-se a confiança e sem confiança não há nada de nada!
Irrita-me as pessoas ouvirem música nos telefones ou qualquer outro aparelho alto em sítios públicos, é que as outras pessoas podem não gostar nem um bocadinho da vossa querida música. Irrita-me também formigas, irritam-me imenso, e ainda por cima elas mordem! Irrita-me que a areia da praia se cole ao corpo, irrita-me demasiado calor e demasiado frio. Irrita-me o suor cheirar mal. Irrita-me que me tentem controlar quando não são meus pais e tudo o que eu mais quero é não me controlar! Irrita-me que me irritem.
Irrito-me com muito mas acabo por não me chatear com nada. Fantástico! ahah

1 comentário:

Olá! Diz-me tudo o que quiseres :)